0

Vamos apimentar o dia dos papais?

Que os pais merecem tudo de bom, isso não é novidade! Mas porque jogar pimenta na cerveja deles? confused-emoticon-wtf-symbol-for-facebook

pepper-lager17

Efeito para ressaltar que é uma cerveja quente, mora?

A Colombina Pepper Lager é resultado de um esforço conjunto da Cervejaria Colombina com a Cervejaria Barco, que já tem em seu portfolio a inusitada Hot Lager! Continuar lendo

Anúncios
0

Viagem!!! Bora pra Sampa?

São Paulo, cidade cosmopolita, cheia de cultura, comida e bebida! Interessou em algum? É, eu normalmente vou pra lá e nunca me entedio… Sempre vou nos mesmos velhos bons lugares, e conheço novos! Afinal, a cidade é extremamente viva, muita coisa fecha, e muita coisa abre. Tem que se ficar ligado nessa movimentação, para não se perder viagem. E para mim, viajante de fim de semana, tempo é dinheiro!

Bom, tem vários jeitos de se viajar, né? Dessa vez, é família! A viagem não exclusivamente cervejeira tem que ser bem planejada… Nada de cruzar a cidade a pé-metrô-ônibus-taxi, envolvendo grandes valores e muito suor.

Mas como combinar uma comprinha de cervejas que são praticamente exclusivas de São Paulo? Explico esse termo “exclusivas”: os lançamentos no Brasil acabam em sua maioria sendo feitos aqui! Tanto as importações como as brejas nacionais, não tem lugar melhor pra achar, só na fonte!

Em São Paulo, temos bares, temos brewpubs, temos lojas, temos supermercados! Nesse post, vou me concentrar em apenas um lugar que pretendo ir.

Já ouviu falar do tal do Mercado Municipal de São Paulo, o famoso Mercadão? Além de ter frutas, verduras, embutidos, temperos e tudo de comer do mais fresco possível, tem cerveja! E de boa qualidade!

Roubado do Lugarzinho.com (juro que troco logo por uma minha!)

Roubado do Lugarzinho.com (juro que troco logo por uma minha!)

Dá um pulo no Empório Santa Therezinha, rua H Box 10!

Esse é o Empório! Além de cervejas, tem outras gostosuras, embutidos, temperos etc

Esse é o Empório! Além de cervejas, tem outras gostosuras, embutidos, temperos etc (foto roubada do perfil do Facebook)

Tá, achou legal? Então vai na Cervejaria Santa Therezinha, rua M Box 50/52! Confuso? Então, não sei porque eles têm um local especializado em cervejas, enquanto que no outro também têm muitas! Se tiver tempo, passa nas duas, se não, vai só na Cervejaria, bem na entrada (em uma das entradas, né?).

2013-04-06 12.22.20

Essa é a Cervejaria Santa Therezinha! Foto antiga…

Ah, pra confundir um pouco mais, em frente do Empório, ainda tem a Cachaçaria Santa Therezinha. Tá, só perguntando pros donos, porque nem os funcionários conseguem explicar direito o porquê das cervejas estarem espalhadas nos três estabelecimentos. Dica? Passe em todos!

Eles têm promoções direto! Infelizmente, não atualizam o perfil do Facebook com tanta frequência. Mas vai por mim! TODO MUNDO vai passear no Mercadão, seja pra encarar o pastel monstro de mortadela, seja pra comprar embutidos e gostosuras de um modo geral, ou mesmo pra conhecer. Então, passa lá na Cervejaria Santa Therezinha, com bastante grana (ou limite no cartão) e se prepare para carregar peso!

2013-04-06 10.23.34

Os atendentes são superinformados, mega-atenciosos! Impossível levar só uma garrafa! E se não conseguir levar tudo o que quer, toma umas lá! Inclusive tem as brejas da Seasons, que não são pasteurizadas, e devem ser conservadas sempre em refrigeração, para não matar as leveduras vivas. Green Cow, alguém?

2013-04-06 10.26.55

Sabe o lema “De doce basta a vida”? Essa breja é para os fortes!

Dicas rápidas de outros lugares para beber-comer com excelentes cervejas? A VEJA dá a dica!

Ah, e claro que antes de cair na compra e degustação de brejas, encha o estômago com um clássico sanduíche de mortadela! Esse eu agarântio!!! Esse da foto é do Hocca Bar!

Como café da manhã é garantia de energia pro dia inteiro!

Como café da manhã é garantia de energia pro dia inteiro!

Bom, dessa última vez que fui, infelizmente fui surpreendido com um estoque pequeno, poucas novidades… Fiquei decepcionado. Achei as Burgman IPA Hop, Stout (que já conhecia), Fun Weiss, Casanova, Baden Baden 15, Wells Sticky Toffee Puddin Ale (NOME GRANDE!), Rogue Yellow Snow IPA, 2 Cabeças Funk IPA e a Mikkeller Black Hole. Procuro comprar as custo-benefício combinado com lançamento. E nada de copos desta vez. Só tinham taças de marca própria Santa Therezinha grumpy emoticon

2014-07-21 21.22.50

E aquelas Brewdogs ali? sunglasses emoticon Pedi pro primo Henrique comprar lá no Empório Alto dos Pinheiros! Logo rola um post de uma visita lá, que deve ser com calma e MUITO DINHEIRO! Se possível, dois cartões de crédito, um de débito e muitas barras de ouro! Explico: não é porque são caras as brejas, mas é porque o estoque do senhor Paulo Almeida é algo invejável! Enfim, fica pra próxima!

Ah, crianças e crianços, aviso para aqueles que forem de transporte público: para chegar no Mercadão, desça na estação São Bento, e vá pra direção da Ladeira Porto Geral. Isso envolve passar DENTRO da 25 de Março. Cuidado com pertences!

0

Brahma Granja Comary

Texto e foto do grande sommelier de cervejas Alberto Nascimento:

Essa cerveja foi duramente criticada por alguns colegas cervejeiros, e a crítica vem basicamente da dúvida sobre a cevada plantada na Granja Comary. Acho uma crítica injusta, e permeada por um certo radicalismo. Quando vi a campanha da Brahma fiquei impressionado pela proposta, mas fiquei mais impressionado ainda por ver que a nossa “revolução cervejeira” está impactando o mercado e influenciando os gigantes. Fazer com que a Brahma troque as gostosas peitudas por uma ação que foque na procedência dos insumos também é fruto do trabalho que fazemos, e da forma como mudamos a cultura de consumo de cerveja. Com as cervejas artesanais brasileiras estamos ensinando o público a prestar mais atenção na qualidade dos produtos, e a buscar diversidade. Não devemos enxergar essa ação com radicalismo e parcialidade, devemos enxergar essa ação da Brahma como resultado dessa pequena mudança de cultura que já ocorreu. Fazer um revolução não significa enfrentar ou atacar, significa se empenhar na transformação. Se a Brahma solta uma campanha assim é sinal que nossa revolução está dando certo!! #culturacervejeira

Foto: Alberto Nascimento

Concordo completamente com o mestre Alberto, mas opiniões são diversas em qualquer área de atuação. Eu? Comprei uma e vou provar, agora que o preço está “mais em conta”. Como já comentei em outro post, sim, eu posso gastar muito com cervejas, mas sempre fico de olho no tal “preço justo”. Eu não pagaria R$ 189,00 por um kit com uma garrafa e uma taça, principalmente sendo uma breja que não tem nenhum atestado de qualidade! Quer dizer que ela não é boa? Pode até ser, mas vale no máximo os R$ 3,99 que paguei em uma garrafa, e só para experimentar.

Em tempo: ela estava por R$ 12,00 a garrafa no Empório da Cerveja, e baixou para R$ 6,00 (mesmo antes da seleção brasileira ser derrubada pela Alemanha… grumpy emoticon)

E sobre a questão da cevada usada, já foi amplamente divulgado em várias páginas. Não vou me alongar nisso, no máximo, falar que NÃO VALE O PREÇO! Saiu na Exame, no blog do Juca Kfouri e no IG Economia.