1

Rash Bier 1 Ano

rash-bier-1-ano (1)

Rapaz, não acompanho ela desde o princípio, mas bem perto disso! Mais do que um bar, é para mim e para tantos, um segundo lar. Ambiente aconchegante (ROCK!!!!), clima suave (METAL!!!!), bebidas finas (CERVEJA!!!!), enfim, o que mais podemos querer de uma bom bar, que amadurece a cada dia, conquistando mais e mais clientes-amigos-fãs. Continuar lendo

Anúncios
0

Entre procuras, nomenclaturas e italianos

Este post é chato, off-topic, nerd e no mínimo cervejeiro. Inclusive deixo até a opção de quem quiser ler, que clique abaixo, para continuar lendo, diferente da maior parte dos que deixo completos na página do blog.

Tudo começou com a notícia de que a Bierland Stout tinha ficado entre as 10 melhores em um festival de cervejas na Itália! Vai, Brasil!!! E por curiosidade, quis saber em qual colocação ela tinha ficado, e quais outras cervejas brasileiras estavam presentes.

Continuar lendo

0

Degustação Schornstein e Bierland Oceânica

Em mais uma iniciativa pioneira, Enildo, da Confraria do Malte, nos traz mais cervejas inéditas em terras goianas.

degustacao-schornstein-territorio16

Da linha da Schornstein, faltou só a Witbier Blanche de Maison, medalhista de prata no II Concurso Brasileiro da Cerveja. Tá devendo essa, hein, Enildo? Mas o que degustamos hoje não deixa a desejar!

degustacao-schornstein-territorio01degustacao-schornstein-territorio02

A companheira do Enildo fez umas fichinhas de degustação muito bonitinhas! big-smile-emoticon-for-facebook Para cada cerveja degustada, você dava uma ficha. Assim, quem chegasse mais tarde, poderia acompanhar a degustação na ordem indicada! Pode deixar que vou encomendar umas artes para você! wink emoticon

degustacao-schornstein-territorio05

Apesar do Enildo estar meio sem voz, ele conseguiu apresentar essa cervejaria de Pomerode, Santa Catarina (SEMPRE lembro de pomarola!), A cervejaria Schornstein (chaminé, em alemão, aliás, faz parte do prédio da fábrica) foi inaugurada em junho de 2006. Só recentemente em agosto do ano passado começou a ser envasada em garrafas de 500ml. Até então, só era possível tomar ela na torneira dos bares da região. Ainda bem para nós, né?

sede-schornstein_pomerode-1a

Não vou me alongar em notas de degustação, mas aponto minha preferida: a IPA deles é bem fresca, aroma herbal ótimo, e amargor pronunciado, mas equilibrado! Perfeita! Ok, mereceu ganhar a medalha de ouro lá no Festiva Brasileiro da Cerveja 2014!

1380286_599029560165721_1387188606_nE temos a Bierland Oceânica, lançada também nesse festival (QUE EU PERDI!!!). Uma excelente witbier, com bastante condimentos. Facinha de beber!

bierland-oceanica

Tirei poucas fotos, mas a galera esteve presente e recepcionou muito bem essas novidades no mercado goiano. Confere aí! Valeu, Rodrigo, do Território do Cervejeiro, pelo convite! Goiânia precisa destas iniciativas para que a galera beba bem e beba melhor!