2

Como foi o Piri Bier?

Bora pegar estrada? Em nome da ACervA Goiana, rumo a Pirenópolis!

piribier-01

Um sucesso! Primeira palavra que define o evento!

Continuar lendo

Anúncios
0

Degustação Schornstein e Bierland Oceânica

Em mais uma iniciativa pioneira, Enildo, da Confraria do Malte, nos traz mais cervejas inéditas em terras goianas.

degustacao-schornstein-territorio16

Da linha da Schornstein, faltou só a Witbier Blanche de Maison, medalhista de prata no II Concurso Brasileiro da Cerveja. Tá devendo essa, hein, Enildo? Mas o que degustamos hoje não deixa a desejar!

degustacao-schornstein-territorio01degustacao-schornstein-territorio02

A companheira do Enildo fez umas fichinhas de degustação muito bonitinhas! big-smile-emoticon-for-facebook Para cada cerveja degustada, você dava uma ficha. Assim, quem chegasse mais tarde, poderia acompanhar a degustação na ordem indicada! Pode deixar que vou encomendar umas artes para você! wink emoticon

degustacao-schornstein-territorio05

Apesar do Enildo estar meio sem voz, ele conseguiu apresentar essa cervejaria de Pomerode, Santa Catarina (SEMPRE lembro de pomarola!), A cervejaria Schornstein (chaminé, em alemão, aliás, faz parte do prédio da fábrica) foi inaugurada em junho de 2006. Só recentemente em agosto do ano passado começou a ser envasada em garrafas de 500ml. Até então, só era possível tomar ela na torneira dos bares da região. Ainda bem para nós, né?

sede-schornstein_pomerode-1a

Não vou me alongar em notas de degustação, mas aponto minha preferida: a IPA deles é bem fresca, aroma herbal ótimo, e amargor pronunciado, mas equilibrado! Perfeita! Ok, mereceu ganhar a medalha de ouro lá no Festiva Brasileiro da Cerveja 2014!

1380286_599029560165721_1387188606_nE temos a Bierland Oceânica, lançada também nesse festival (QUE EU PERDI!!!). Uma excelente witbier, com bastante condimentos. Facinha de beber!

bierland-oceanica

Tirei poucas fotos, mas a galera esteve presente e recepcionou muito bem essas novidades no mercado goiano. Confere aí! Valeu, Rodrigo, do Território do Cervejeiro, pelo convite! Goiânia precisa destas iniciativas para que a galera beba bem e beba melhor!

 

 

0

Guia de Iniciação Cervejeira

Até para nós, que já bebemos bem e bebemos muito, guias como este, do Brejada, são muito informativos! Na verdade, qualquer guia sobre esse mundo véio de cervejas é bem-vindo, né?

tampinhas

Segue um pequeno resumo dos guias que os caras criaram:

Iniciantes: Pilsner Urquell, Franziskaner Hefe Weissbier, Leffe Blond, Guinness, Eisenbahn Pale Ale, Kaiser Bock, Colorado Demoiselle, Baden Baden Red Ale, HB (Hofbrau), Bamberg Rauchbier, Erdinger Pikantus, Fuller’s London Pride, Bavaria 8.6 Special Red Beer, Paulaner Hefe-Weissbier Dunkel, Colorado Indica

Intermediários: Tripel Karmeliet, Chimay Blue, Duvel, Boon Kriek, Delirium Tremens,Schmitt Barley Wine, Murphy’s Irish Red, Brooklyn Post Road Pumpkin Ale, Eisenbahn 5 anos, Köstritzer Schwarzbier, Brewdog Punk IPA, Coopers Best Extra Stout, Rogue Hazelnut Brown Nectar, Bamberg Camila Camila, Anderson Valley ESB

Avançados: Deus Brut des Flandres, Boon Oude Geuze Mariage Parfait, Gouden Carolus Cuvée van de Keizer (Rood ou Blauw), Brewdog Hardcore IPA, Wäls Quadruppel, Ola Dubh Special Reserve 40,Trappistes Rochefort 10, Samuel Adams Utopias, Rogue John John Hazelnut Rum Barrel Aged , Brewdog Anarchist Alchemist, Founders CBS (Canadian Breakfast Stout), Russian River Pliny the Elder, Brooklyn Black Ops, Three Floyds Dark Lord, Westvleteren Abt 12,

beer4uDeu água na boca? Em mim também! Seguem os links para todas as páginas, com muito mais informação sobre cada cerveja, e sobre como degustar! E olha que nesse guia, na minha humilde opinião, ainda faltam muitas cervejas boas! Mas assim a gente segue, degustando, descobrindo, aprendendo e se maravilhando!

Parte 1Parte 2Parte 3Parte 4Parte 5Parte 6

Mais um comentário? Esse guia é resultado do estudo e gosto dos caras! Respeitem, antes de falar merda!